ROTARY E O MEIO AMBIENTE

Notadamente diversas organizações governamentais, privadas ou da sociedade civil tem a cada dia se dedicado mais e mais aos temas meio ambiente, desenvolvimento sustentável, mudanças climáticas, refugiados ambientais,

O Rotary é uma organização centenária, de abrangência internacional e trabalha com causas buscando criar vínculos internacionais, melhorar a qualidade de vida e construir um mundo mais pacífico, nós nos dedicamos a diferentes causas.

1) PROMOÇÃO DA PAZ, atua para incentivar o diálogo e promover a compreensão entre os povos. Treinamos adultos e jovens com potencial de liderança para prevenirem e mediarem conflitos, e ajudarem refugiados em áreas de risco.

2) COMBATE A DOENÇAS busca-se educar e capacitar comunidades para que possam evitar o alastramento de doenças como pólio, HIV/Aids e malária. Além disso, ampliamos o acesso a assistência médica de baixo custo ou gratuita em áreas carentes.

3) ÁGUA LIMPA E SANEAMENTO ajuda a levar água, saneamento e higiene a pessoas do mundo inteiro. Nosso trabalho não se limita à escavação de poços. Compartilhamos nossos conhecimentos com líderes comunitários e professores para que os resultados das nossas ações sejam duradouros.

4) SAÚDE DE MÃES E FILHOS tem foco em aproximadamente 06 milhões de crianças com menos de cinco anos morrem anualmente devido a desnutrição, assistência médica de baixa qualidade e saneamento precário. Nós ampliamos o acesso a cuidados adequados para garantir a saúde e vitalidade de mães e filhos.

5) APOIO À EDUCAÇÃO onde mais de 775 milhões de pessoas com mais de 15 anos são analfabetas. Nós trabalhamos para ajudar as comunidades a promoverem a educação básica e alfabetização, reduzirem a disparidade de gêneros na área educacional e aumentarem a alfabetização de adultos.

6) DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, onde busca-se implementar projetos que contribuem para o desenvolvimento econômico e comunitário, e cria-se oportunidades de trabalho decente e produtivo. Também tem foco na ajuda aos empreendedores locais e líderes comunitários de regiões carentes, sobretudo mulheres.

Recentemente o Rotary aprovou a inserção de mais um tema que tem movimentado os clubes rotarianos.

7) PROTEÇÃO DO MEIO AMBIENTE, onde os associados lidando com questões ambientais como sempre fizeram podem agora oficialmente: criar projetos, usando sua rede de contatos para alterar normas e planejando para o futuro.

Um projeto que o Rotary já tem desenvolvido através do Rotary Club Mérida Norte (México) D4195, com sucesso e de repercussão internacional é o MUÁRO (Museu da Árvore Rotário). Este projeto tem a concepção de ser um pulmão verde da humanidade. Criado pelo Dr. Fredy Alonzo Coral Sabido, o MUÁRO é o esforço individual de cada ser humano para a salvação da humanidade. Cada habitante do planeta plantando pelo menos apenas uma árvore durante sua existência, tense a concepção que neutralizará sua pegada ecológica, considerando seu padrão de vida.

O MUÁRO é um projeto auto-sustentável, quando consegue pagar sua implantação e manutenção. “Adotar uma árvore não é apenas levá-la para casa e dá-la água. É o bem-vindo seguro de um ser vivo para a Casa. É a virtude individual para cuidar e proteger. Uma árvore é parte da família, nas reuniões, nas falas, anedotas e união.” Fredy Sabido.

Para apoiar o MUÁRO, o Rotary Club Macapá Sul (Brasil) D4720, está estreitando relacionamento com o Rotary Club Mérida Norte (México) D4195, para somarem suas experiências e esforços a fim de causar impacto global com uma versão de escala global no modelo startup, chamado de MUÁRO WORLD. Em princípio será realizado um Commitiment entre o RC Mérida Norte x RC Macapá Sul Meio Ambiente. Tem como se iniciar a experimentação desse projeto nas cidades de Serra do Navio e Mazagão/Amapá aplicando a metodologia na Arborização Urbana. Busca-se recursos no Fundo Global para realizar o Mapeamento e Monitoramento do Carbono das Árvores. Com isso, a Indústria, Agropecuária, setor do Petróleo e Gás, Aviação, Navegação, Transporte terrestre e demais parceiros como por exemplo Google e ONU Meio Ambiente. [email protected]